DIÁRIO DE NOTÍCIAS | Dar voz (e crédito) às mulheres

Abr 10, 2024

A uma só voz no feminino, 16 mulheres irão apresentar ao novo Governo um Manifesto com as suas ideias para um país mais competitivo, mais inovador, mas também mais justo. Eis o tema central da opinião da secretária-geral da AHRESP, Ana Jacinto, no seu artigo do Diário de Notícias

Hoje quero dar-vos a conhecer um projeto – e uma visão – diferente para ver a vida, encabeçado por um grupo de mulheres “pensantes”, do qual me deram a honra de fazer parte.

Somos 16 mulheres, as que tomaram esta iniciativa, mas sei que somos muitas mais que comungamos dos princípios e valores deste grupo, que “apenas” pretende deixar um mundo melhor aos seus filhos e netos, e um país mais competitivo, mais inovador, mas também mais justo.

(…)

E é por isso que unimos a nossa voz e queremos fazer a diferença, com ideias lúcidas e exequíveis, acompanhadas de propostas concretas, vertidas num Manifesto, que lançámos no Dia Internacional da Mulher, durante o Fórum “Celebrar a Voz Feminina no Futuro de Portugal”, e que agora pretendemos apresentar ao novo Governo, para reflexão e discussão.

Manifesto baseia-se nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS): Saúde para Todos e Atempada, Transformação na Educação, Cidadania Ativa e Cultura, Equidade Social e Carga Fiscal adequada, Empreendedorismo e Inovação, Habitação e Mobilidade, Justiça Transparente e Burocracia, e para cada área fez-se o diagnóstico e apresenta-se aquela que, quanto a nós, deve ser “a cura”.

(…)

Ouçam-nos, e deem-nos o crédito que acreditamos merecer.

Leia na íntegra o artigo de opinião de Ana Jacinto.

 

 

PUB

Mais Artigos

Roadshow para a Digitalização do Norte

Roadshow para a Digitalização do Norte

O objetivo do Roadshow para a Digitalização do Norte, no qual que se insere este encontro, é mostrar que a digitalização é para todos os negócios, desde o maior ao mais pequeno. O programa da sessão conta com a apresentação do projeto ACELERAR O NORTE e da Aceleradora...